sábado, 4 de julho de 2020

Angelim: Prefeito Douglas Duarte inaugura Sistema de Monitoração por vídeo-câmeras




O prefeito Douglas Duarte inaugurou na noite de ontem (sexta-feira), o Sistema de Monitoramento por vídeo-câmeras da cidade de Angelim.

A solenidade teve as presenças da vice-prefeita Rosa Cavalcanti, da delegada de Policia Civil Belª Priscila Góes e do Sgtº PM Adalberto Alecssandro comandante do 5º Pelotão de Polícia Militar sediado em Angelim e do Procurador Público do município Bel. Ozano Junior.

 O evento, fechado ao público por conta da pandemia do Covid-19, aconteceu no interior da Delegacia de Polícia Civil de por volta das 19 horas e foi acompanhado pelas redes sociais nas páginas da Prefeitura Municipal de Angelim e da Web Rádio Gazeta.

São 40 ruas monitoradas por 32 câmeras que levam agora durante as 24 horas mais segurança aos angelinenses melhorando o trabalho das policias civil e militar no combate a violência e roubos na cidade.

Os painéis de monitoração proporcionam imagens de primeira qualidade e são acompanhados em tempo real na delegacia de polícia civil, no pelotão da policia militar e na prefeitura municipal por funcionários cedidos pela prefeitura municipal.

Angelim é pioneira entre cidades da região a usar sistema de monitoração por vídeo-câmeras graças a ação do prefeito Douglas Duarte, tudo com recursos próprios do município.



segunda-feira, 29 de junho de 2020

Projeto garante internet e computadores para alunos


Após apresentar projeto para garantir internet e tablets para alunos e professores da educação básica, o deputado federal Danilo Cabral (PSB) protocolou proposta (3527/2020) para recursos para a rede federal de educação profissional, científica e tecnológica para aquisição de computadores e contratação de internet. O objetivo é atender os estudantes que matriculados com renda familiar per capita de até meio salário-mínimo.
“Estamos falando de um universo de 590 mil estudantes em todo país que têm graves restrições financeiras e, portanto, não têm condições de acompanhar aulas remotas”, justifica Danilo Cabral. O parlamentar destaca que, devido à pandemia provocada pelo novo coronavírus, o Ministério da Educação publicou portaria que estabeleceu a substituição das aulas presenciais por aulas em meios digitais. “Mas muitas universidades não deram início às aulas remotas, entre outros motivos, por causa das desigualdades socioeconômicas dos alunos”, afirma.
Segundo dados da Pesquisa Nacional de Perfil Socioeconômico e Cultural dos Graduandos das Instituições Federais de Ensino Superior (2018), produzida pela Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior (Andifes), 26% dos estudantes matriculados têm renda familiar per capita de até meio salário-mínimo. Na rede federal de educação profissional, científica e tecnológica, esse percentual sobe para 29,9%, de acordo com PNP 2020.
“O modelo de ensino híbrido, no contexto da pandemia, será uma necessidade mesmo após a liberação do retorno das atividades das escolas. A conciliação de aulas presenciais e remotas exigirá investimento na melhoria da infraestrutura tecnológica das unidades escolares, bem como a garantia de acesso dos estudantes às ferramentas tecnológicas”, frisa Danilo Cabral. A estimativa, de acordo com o projeto de lei, é de que sejam investidos R$ 1,1 bilhão na iniciativa, caso seja aprovada pelo Congresso Nacional.

sexta-feira, 5 de junho de 2020

Angelim está em festa pela passagem dos seus 89 anos de Emancipação Política


Conta a história que os primeiros sinais de progresso em nossa cidade surgiram em 1887, com a inauguração da Estação Ferroviária Segismundo Gonçalves, da Great Western.

Pela ausência de veículos motorizados, predominava o comércio agrícola e o meio de comunicação mesmo para as localidades distantes, era feita com animais.

Com advento da via férrea, os agricultores e comerciantes passaram a utilizá-la como principal meio de importação e exportação de seus produtos.
Surgem próxi
mo à estação várias construções, inclusive de estabelecimentos comerciais.

Em 22 de dezembro de 1908, a Lei Municipal nº 42, criou o Distrito de Angelim.

A origem do topônimo se deve a uma grande árvore existente na cidade, à sombra da qual era realizada semanalmente, uma feira, onde hoje está localizada à rua São José.

Hoje completamos 89 anos de Emancipação Política, vitórias e conquistas registradas ao longo do tempo,
Angelim cresce a cada dia, seu atual gestor, Prefeito Douglas Duarte segue firme rumo ao final de seu mandato recheado de obras em nossa bela cidade.

Não poderíamos ficar de fora, nós que fazemos o jornal Gazeta do Agreste e a Web Rádio Gazeta abraçamos cada irmão angelinense e cada amigo que fizemos nesse pequeno torrão pernambucano que hoje completa seus 89 anos de história.

PARABÉNS ANGELLIM.


domingo, 24 de maio de 2020

Vereador Beco realiza live falando de sua pré-candidatura nas próximas eleições

Mesmo vivenciando grande período de quarentena por conta da pandemia do covid 19, o vereador e pré-candidato a reeleição pelo Partido dos Trabalhadores (PT) de Angelim, Beco, fez na manhã deste domingo uma pequena live onde diz do seu trabalho como vereador e confirma sua pré-candidatura na tentativa de continuar tomando assento no Poder Legislativo de Angelim nas próximas eleições.


sábado, 23 de maio de 2020

Precisamos de 50 votos para afastar Bolsonaro, diz Senador Randolfe Rodrigues

Em entrevista à TV Democracia nesta segunda-feira (20), o senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP) afirmou que faltam 50 votos no Congresso Nacional contra Jair Bolsonaro (sem partido) para gerar o afastamento do presidente. Randolfe ainda declarou que é mais rápido destituir Bolsonaro através de uma acusação de crime comum, com ação penal correndo pelo Judiciário com eventual autorização do Congresso, do que com um processo de Impeachment no legislativo.
Confira:

GARANHUNS - Confira a atual previsão de leitos para pacientes com covid-19 no Dom Moura, UPAE e Hospital Perpétuo Socorro, em Garanhuns, segundo planejamento do Governo do Estado


Seguindo o compromisso de expandir a assistência aos pacientes com suspeita ou confirmação de Covid-19, o Governo de Pernambuco tem atuado fortemente no Agreste Meridional do Estado, destinando recursos para as ações nas unidades estaduais e serviços contratualizados, abrindo leitos exclusivos na região para tratamento contra o novo coronavírus, além de reforçar as escalas de plantão dos serviços de saúde estaduais. Somente em Garanhuns, nos próximos três meses, serão investidos cerca de R$ 10 milhões pelo Governo de Pernambuco na assistência aos moradores da Região.

O Hospital Regional Dom Moura (HRDM), referência para todos os municípios da Região, abriu 18 leitos de enfermaria para Covid-19 (10 adultos e 8 pediátricos). A unidade também conta com 10 leitos de suporte para pacientes adultos em estado mais grave. Além disso, ainda está prevista, para os próximos dias, a chegada de 10 respiradores para estruturação desses leitos, que passarão a contar com suporte total para UTI.

Já na Unidade Pernambucana de Atendimento Especializado (UPAE) de Garanhuns já estão em funcionamento 10 leitos de enfermaria e 8 leitos de UTI exclusivos para pacientes diagnosticados com o novo coronavírus. A unidade ainda foi reforçada com uma ambulância avançada, equipada com suporte de terapia intensiva e até este sábado (23.05) o serviço deve abrir mais 2 vagas, totalizando 10 leitos de UTI na unidade voltados exclusivamente para casos da doença. 

A Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) também está em negociação com a Casa de Saúde Perpétuo Socorro, estabelecimento privado em Garanhuns, para a contratualização de 20 leitos de enfermaria e 10 leitos de UTI exclusivos para a Covid-19.

Para reforçar a assistência nas unidades estaduais mais de 200 profissionais também foram contratados e convocados, entre médicos especialistas em clínica geral, fisioterapeutas em terapia intensiva, enfermeiros (assistenciais e uteístas), técnicos de enfermagem e outros profissionais de saúde.

“Nós já estamos observando a chegada da doença em várias cidades do interior, em algumas, inclusive, com números expressivos de casos. Por determinação do governador Paulo Câmara, estamos atentos e vigilantes, junto às Geres e as secretarias municipais de Saúde, trabalhando incansavelmente para garantir a estrutura necessária na rede de saúde no interior do Estado. *Já conseguimos abrir mais de 400 leitos no interior pernambucano*. É preciso ressaltar, no entanto, que de nada adiantará os esforços do Governo de Pernambuco, se não tivermos uma luta conjunta de toda a sociedade, com participação das prefeituras e conscientização da população”, pontua o secretário estadual de Saúde, André Longo.

*ATENDE EM CASA -* O Atende em Casa, ferramenta lançada pelo com o objetivo de passar orientações para a população com sintomas gripais, já está presente em 80% dos municípios do Agreste Meridional. Até agora, são contemplados com a iniciativa os moradores das cidades de Águas Belas, Bom Conselho, Brejão, Caetés, Calçados, Canhotinho, Capoeiras, Correntes, Iati, Garanhuns, Jucati, Lajedo, Palmerina, Paranatama, Saloá, São João e Terezinha. A expectativa é que, nos próximos dias, a ferramenta seja expandida para os municípios de Itaíba, Lagoa do Ouro, Angelim e Jupi.

O Atende em Casa conta com profissionais de saúde que orientam os usuários sintomáticos, seja para manter o isolamento domiciliar ou, após uma teleorientação feita por profissional de saúde, fazer a busca qualificada por um serviço de saúde mais próximo da sua casa. O aplicativo, disponível pelo site www.atendeemcasa.pe.gov.br e para smartphones com sistema Android, permite que médicos, enfermeiros ou residentes médicos façam videochamadas e orientações aos usuários. 


IMPRENSA DA SECRETARIA ESTADUAL DE SAÚDE

quinta-feira, 30 de abril de 2020

Primeiro caso de Convid em São João é de um rapaz de 21 anos

O município de São João registrou esta semana o primeiro caso de Covid-19. Um jovem de apenas 21 anos, que trabalha viajando muito, por diversas cidades.
Através da nota, a Secretaria de Saúde de São João confirmou o fato.